"as línguas são imperfeitas pra que os poemas existam"

palavras são a casca dos significados. com o silêncio deles, pode se fazer sinfonias. para chegar nas sementes, dança e poesia.

descartes à gramática

ser é verbo inalienável; o resto, transitivo indireto ao corpo

19 de agosto de 2015 · Deixe um comentário

medo dá dor de barriga

vai ao banheiro apenas para estar sozinha sentindo o peso do existir Quando o peso não calculado do bóson de biggs se revela: o pesar é uma experiência inquantificável

19 de agosto de 2015 · Deixe um comentário

Falou, mas não disse

Quando eu formo as palavras elas escapam das grades desconversam, mas são espelho cheio de frases graves das quais você já cansou. Quantas músicas a mais até adivinharmos que o … Continuar lendo

11 de maio de 2014 · Deixe um comentário

desencanto

teu olhar arrombou as entradas, assaltou minha clareza e roubou-me com a delicadeza de quem pede licença, sendo devassa. devo agora deduzir a formula do encanto e desfazer o desgosto … Continuar lendo

9 de maio de 2014 · Deixe um comentário

na-Lua

na Lua a gravidade é diferente um crescente sorriso faz minguar distâncias os pés saem de chão está-se voando e mal se sente a lua oscila a lua arde a … Continuar lendo

9 de maio de 2014 · Deixe um comentário

espelho da alma

olhar à distância é diferente de olhar de perto não pressente o queu quero? não entende esse mistério? é tão diferente de olhar de perto à distância seu olhar provoca … Continuar lendo

8 de maio de 2014 · Deixe um comentário

selfie

personalidade tem a medida da corda bamba onde o bailarino navega em desespero para atender aos apelos da audiência a linha mais fixa não é o tempo este, fino e … Continuar lendo

6 de maio de 2014 · Deixe um comentário